Diversos

Documentos Necessários para Declarar Imposto de Renda 2013- Informação

imposto-de-renda-2013-tabelaA Receita Federal desde 2011 afirmou que não serão mais permitidas as declarações em papeis de vê ser feitas somente pela internet com o preenchimento de um formulário

Com a evolução da internet coisas importantes estão se tornando comum de serem feitas online e assim facilitando para arquivar tudo e deixar mais organizado diferente das pilhas e mais pilhas de papeis que com o tempo podiam até se perder e prejudicando a vida do cidadão que faz a Declaração do Imposto de Renda.

E para fazer a declaração online já vai separando ai alguns documentos necessários para preencher o formulário e validar sua declaração para que não se pagar a multa no valor de R$ 165,74.

Para fazer a declaração antes de tudo você deve instalar o programa IRPF 2013 que garante sua segurança e não informam seus dados a nenhum site desconhecidos o formulário é arquivado no seu computador e outro vai para a Receita Federal validando sua declaração.

Para você que tem uma renda de até R$ 1.637,11 mensais você deve fazer a declaração o mais rápido evitando complicações com o s nome e até tendo que arcar com a multa que pode até acumular e virar 20% do valor devido.

Informação:

Se você tem a renda mensal ou igual ou superior à soma de 24.556,65 é obrigatório

É importante fazer o cálculo corretamente para não cair no golpe de muitos políticos por ai a Receita Federal espera receber nesse não 26 milhões de reais em declaração um recorde diferente de anos anteriores.

Documentos necessários para Declarar o Imposto de Renda 2013:

RG

CPF

Titulo de Eleitor

Comprovante de EndereçoDocumentos Necessários para Declarar Imposto de Renda 2013

Documento que comprove a profissão

Numero da agencia bancaria para restituição ou debito

Comprovantes:

Recibo de entrega da declaração 2012

Informes de rendimento dos bancos (entregues pelo Correios)

Relação de compra e venda de ações

Informes de rendimento de salários, distribuição de lucro, aluguem, entre outras fontes de renda.

Outras rendas recebidas em 2012 como herança, doações, indenização por ação e resgate do FGTS.

Recibos de venda ou compra de bens, como carros e imóveis feitas em 2012.

Documentos da aquisição de dividas ou empréstimos 2012

Recibos de pagamento de plano de saúde com o CNPJ do convênio

Recibo de despesas médica e odontológicas (CNPJ).

Comprovantes de pagamento de previdência social ou privada.

Comprovante de doações realizadas.

Recibos de empregada doméstica.

Comprovante de recebimentos de recursos da Nota Fiscal Paulista.

Gostou? Deixe seu comentário e obrigada pela visita até logo.

Comente Via FaceBook

Comentários




Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.